Instituto Politécnico de Lisboa

Papel do Técnico de Radiologia no aumento da adesão ao exame de mamografia

23 out 2012 17:00 a 19:00

Salas 2.2 e 2.3

A mamografia é o método de diagnóstico mais eficaz para deteção precoce de carcinoma da mama. A realização periódica deste exame tem vindo a ser associada a melhores prognósticos como deteção da doença em fases mais precoces e redução de mortalidade. Contudo, a mamografia não é encarada como mais um exame complementar de diagnóstico e constituindo, para a maioria das mulheres, uma situação de ameaça. Na verdade, muitas mulheres referem ter experienciado ansiedade, dor ou desconforto durante a realização deste procedimento. Por outro lado, uma percentagem elevada de mulheres falha na realização periódica de mamografias.

Objetivos:

  • Reconhecer e compreender as reacções psicológicas associadas ao exame de mamografia 
  • Desenvolvimento de competências que permitam melhorar o atendimento das mulheres que realizam este exame, particularmente o fornecimento de informação antes do exame, na criação de uma atmosfera agradável e empática e na utilização de estratégias de confronto para redução de dor e desconforto e na promoção do controlo e autonomia da paciente.

Destinatários:
Estudantes e Técnicos de Radiologia

Preletores:
Margarida Custódio dos Santos, ESTeSl 
Ana Monteiro Grilo, ESTeSL

Programa (17h00 às 19h00
1. Determinantes de adesão à mamografia
2. Reações emocionais associadas à mamografia
2.1. Ansiedade
2.2. Depressão
3. Dor e desconforto
3.1. Determinantes biológicos.
3.2. Determinantes psicológicos.
3.3. Determinantes relacionados com os profissionais de saúde.
4. Atitudes e comportamentos do Técnico de Radiologia facilitadores da colaboração da mulher
4.1. Estabelecimento da relação
4.2. Fornecimento de Informação
4.3. Estratégias de confronto


Inscrições encerradas por ter sido atingido o número máximo de participantes na Sessão.

Consulte a página do Ciclo de Conferências - Cancro da Mama: uma abordagem multidisciplinar