Instituto Politécnico de Lisboa

Gestão e Avaliação de Tecnologias em SaúdeMestrado

Candidaturas a decorrerSaiba mais

2ª Fase de candidaturas a partir de 15 de junho!


Em associação com a Escola Superior de Saúde da Universidade do Algarve

ualg120

Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde (GATS) constitui uma área de intervenção estratégica ao nível da saúde, sendo uma ferramenta de apoio ao nível da definição e avaliação de políticas para a saúde e da medição de resultados em saúde, potenciando deste modo uma melhor utilização de recursos, com a consequente melhoria da qualidade dos serviços prestados.


O Reconhecimento desta oferta formativa por parte do mercado consubstancia-se:

  • No apoio institucional da Direção-Geral da Saúde (DGS) e do INFARMED.
  • No estabelecimento de parcerias com instituições nacionais e internacionais


O Mestrado GATS aposta numa formação aplicada com utilidade imediata potenciando:

  • A aquisição de novas competências aplicáveis na atividade profissional com impacto direto ao nível do desempenho.
  • O conhecimento de novas abordagens, relativas à otimização de recursos em saúde, baseadas em estudos de casos e benchmarking.
     

Saiba mais sobre o mestrado em Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde

   

Objetivos

O Mestrado em Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde pretende desenvolver competências profissionais que promovam a otimização da gestão dos recursos de saúde através da aplicação das diferentes técnicas e procedimentos de gestão, avaliação, auditoria e análise das práticas baseadas na evidência científica, para uma melhor resposta às necessidades de saúde das populações.

Este Mestrado desenvolve o seu plano curricular em torno de três áreas temáticas relevantes: a Avaliação de Tecnologias em Saúde, a Gestão em Saúde e a Qualidade na Saúde, tendo como referência as guidelines internacionais existentes e o correspondente enquadramento legal nacional.

Destinatários

Os candidatos deverão ser titulares de licenciatura na área das Ciências da Saúde, Ciências Económicas e Políticas ou Ciências Sociais.

Para os estudantes que estão a concluir a sua licenciatura, a candidatura ao curso de mestrado pode ser apresentada com a certidão parcial de Unidades Curriculares aprovadas, ficando, em caso de admissão, a matrícula condicionada à apresentação da certidão de conclusão do grau, até ao dia 01 de outubro.

Duração e ECTS

3 Semestres | 90 ECTS

Conselho de Mestrado

Professora Doutora Margarida Eiras – Diretora de Curso
Professora Mestre Gilda Cunha
Professor Doutor Luís Pedro Ribeiro (ESSUAlg)
Professor Doutor António Fernando Abrantes (ESSUAlg)

Metodologia de Ensino e Avaliação

Modelo de ensino-aprendizagem cooperativo:

  • Apoio e proximidade do corpo docente com efetiva tutoria e acompanhamento ao longo do percurso formativo.
  • Incentivo ao desenvolvimento do trabalho em equipa como forma de desenvolvimento de competências relacionais, do saber, da capacidade de resolução de problemas, estimulando a aprendizagem alicerçada na experiência.
  • Incentivo à participação efetiva do estudante através da criação de um ambiente favorável à colocação de dúvidas e partilha de ideias.
  • Incentivo ao desenvolvimento de competência de comunicação escrita e oral do conhecimento (científico e técnico) através do estímulo e apoio na elaboração e submissão de posters, artigos científicos e comunicações orais.
  • Modelo de avaliação que reflete o modelo cooperativo, dando maior ponderação a trabalhos de grupo, discussão de casos e às diversas formas de comunicação do conhecimento científico e técnico.
  • O regime de avaliação pode deste modo diferir entre unidades curriculares, compreendendo no entanto em cada uma pelo menos um elemento de avaliação individual.
  • As unidades curriculares de Seminário (Seminário I e Seminário II) constituem exceção.


Modelo de ensino-aprendizagem misto através de:

  • Lecionação efetuada com aulas presenciais, em cada uma das instituições parceiras, e à distância garantindo maior flexibilidade ao estudante no acompanhamento da componente formativa, potenciando-se a utilização das novas tecnologias como forma de atualização do conhecimento.
  • Equilíbrio entre métodos de lecionação expositivos e participativos.

 

plano de estudos deste curso foi publicado em Diário da República – Despacho n.º 6848/2014, de 23 de maio.

Candidaturas Abertas

Aceda aqui ao Formulário de Candidatura

Vagas

Número de vagas máximo: 35
Número mínimo de estudantes: 17 *

* O Mestrado só funcionará se tiver o número de estudantes mínimos inscritos

Critérios de Seriação

A seriação e seleção final dos candidatos serão realizadas pelo Conselho do Curso, tendo em consideração a classificação obtida por aplicação da fórmula:

C = (1,5 M + 2 CV) /2

em que:

  • "M" é a média final do curso expressa na escala inteira (10 a 20) e com arredondamento às décimas sempre que possível;
  • "CV" é a classificação atribuída, na escala (0 a 5), ao currículo académico, científico, técnico e profissional;
  • "C" é a classificação final, arredondada às décimas.

Para efeitos de preenchimento das vagas, em caso de igualdade de classificação, é estabelecida a seguinte ordem de prioridade: 1º - maior valor de M; 2º - maior valor de CV.

Calendarização

1ª Fase2ª Fase

Candidatura
Até 30 de maio

Candidatura
De 15 de junho a 15 de julho 
Publicitação dos resultados de candidatura
07 de junho
Publicitação dos resultados de candidatura
14 de setembro
Matrículas
De 09 a 13 de julho
Matrículas
De 17 a 21 de setembro

PROCESSO DE CANDIDATURA

A candidatura é efetuada em plataforma online disponível no site da ESTeSL.

Documentos obrigatórios a apresentar no ato de candidatura:

  • Carta de motivação;
  • Curriculum Vitae, sem anexos;
  • Certidão de conclusão de Curso Superior;
  • Certificado discriminativo das disciplinas e respetivas classificações obtidas no âmbito da Licenciatura ou outro Curso. No caso de a formação não ter sido obtida na ESTeSL, deverá apresentar o respetivo Plano de Estudos;
  • A candidatura do estudante internacional é efetuada em plataforma online no site do Instituto Politécnico de Lisboa (IPL), entre o dia 25 de junho a 8 de julho 2018, em https://www.ipl.pt/internacionalizacao/estudante-internacional.

Horário e Regime de Frequência

As aulas poderão ser lecionadas a partir de cada uma das instituições parceiras, sendo utilizado o sistema de videoconferência.
As aulas decorrerão, geralmente:

  • Sexta-feira: 18h00 às 22h00.
  • Sábado: 9h00 às 14h00.

Propinas

Taxa de Candidatura ----51,25€
Propina 1º ano1900€
Propina 2º ano850€
Propina Estudante Internacional Anual6100€ *

* ou de acordo com o estabelecido pelo IPL em https://www.ipl.pt/internacionalizacao/estudante-internacional

Os pagamentos podem ser efetuados por:

  • Referência multibanco criada durante o processo de candidatura online.
  • Transferência bancária:
    – NIB: 0781.0112.0000.0004.003.90;
    – Envio obrigatório de comprovativo da transferência bancária para mestrados@estesl.ipl.pt;
  • Cheque emitido à ordem de I.G.C.P., IP e enviado para Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa – Av. D. João II Lote 4.69.01 – 1990-096 Lisboa, ao cuidado dos Serviços Financeiros da ESTeSL;
  • Ou na tesouraria da ESTeSL, através de dinheiro ou Multibanco.

ContactosMestrado

ESTeSL
Serviços Académicos
mestrados@estesl.ipl.pt
Tel. 218 980 400 | Fax 218 980 460
 

ESSUAlg – Escola Superior de Saúde da Universidade do Algarve
diretoressualg@ualg.pt
Tel. 289 800 100 | Fax 289 895 319

Testemunhos

pedromadrugo150

Pedro Madrugo, 2ª Edição do mestrado em GATS

Em tempos de grande exigência na prestação de serviços recomendo a frequência do Mestrado de Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde aos interessados em dominar a sua actividade profissional. O objectivo de querer melhorar enquanto profissional de saúde assim como o de aprofundar/aplicar os conhecimentos obtidos no local de trabalho são aspetos que facilmente o mestrando poderá alcançar. Com esta experiência posso dizer que fiquei mais consciente do quão importante, metódico e organizado é o trabalho desenvolvido por parte das empresas nas áreas abrangidas pelo Mestrado e, enquanto colaborador, é uma vantagem poder acrescentar valor à própria empresa, tudo com recurso às ideias e conteúdos que me foram transmitidos.
O fator humano é sem dúvida decisivo na altura de ponderar a escolha mais adequada de formação. O corpo docente é bastante diversificado profissionalmente, competente na sua área de atuação e disponível em termos de resolução de eventuais dúvidas. Por ultimo destaco as relações interpessoais, no qual estão presentes mestrandos de variadas áreas, sendo essa característica uma mais valia na troca de experiências profissionais.

 

leandroçuis_150

Leandro Luís, 2ª Edição do mestrado em GATS

O Mestrado de Gestão e Avaliação de Tecnologias da Saúde foi uma opção pensada considerando a vasta oferta formativa existente actualmente. A sua selecção foi efectuada após forte reflexão acerca do potencial do plano curricular apresentado, a sua actualidade e as suas perspectivas futuras. A avaliação de tecnologias da saúde é uma temática essencial nos dias de hoje, sendo um elemento de grande valor para garantir a sustentabilidade de um Serviço Nacional de Saúde muito penalizado pela crise económica dos últimos anos. Além desta temática, o curso desenvolvido permite uma forte formação em áreas de grande importância para as ciências da saúde como a gestão da qualidade e a investigação aplicada. Foi uma experiência que permitiu um grande crescimento pessoal e profissional, que recomendo a quem deseja ser um elemento diferenciador e contribuir para a melhoria da qualidade dos serviços de saúde em Portugal.

 

Lara Pimenta, 1ª Edição do mestrado em GATS

A decisão de ingressar num mestrado era um plano antigo, uma necessidade de voltar a estudar, adquirir novos conhecimentos e diversificar as competências. O Mestrado em Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde da ESTeSL surgiu como uma escolha perfeitamente adequada à minha formação de base, Cardiopneumologia, permitindo aplicar os novos conhecimentos ao meu trabalho de dia-a-dia, no intuito de melhorar os cuidados de saúde prestados. Os temas estudados, os casos práticos apresentados e todo o plano curricular do mestrado apresentam um perfeito enquadramento nos problemas de hoje, tendo sido expostos e ensinados com extremo equilíbrio e competência. Findo com sucesso este processo enriquecedor de aprendizagem, tenho a certeza que foi uma excelente opção.

 

Ana Cristina Henriques, 1ª Edição do mestrado em GATS

No âmbito da minha actividade profissional, Cardiopneumologia, o Mestrado em Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde trouxe-me ferramentas fundamentais para enriquecer profissionalmente e adquirir capacidades para contribuir para a melhoria da qualidade na saúde. Despertou-me para questões que desconhecia e estimulou-me a prestar atenção a pormenores que fazem toda a diferença em questão de prestação de cuidados de saúde eficientes e seguros. Permitiu-me transpor os conhecimentos adquiridos no âmbito das unidades curriculares para a prática diária profissional, tornando-se assim um prazer e uma satisfação pessoal, indo totalmente ao encontro das expectativas criadas desde o início. O corpo docente revelou profissionalismo, competência e um excelente relacionamento com os alunos.