Instituto Politécnico de Lisboa

1º Congresso das Ciências da Saúde de Timor-Leste 9 dez 2008

Iniciou-se hoje, dia 3 de Dezembro de 2008, o I Congresso das Ciências da Saúde de Timor-Leste. Serão 3 dias de apresentações de trabalhos científicos, de discussões e de debates. Esta iniciativa é da responsabilidade do Instituto de Ciências da Saúde de Timor-Leste, em colaboração com o Ministério da Saúde de Timor-Leste.
O evento conta com o apoio do Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento, da Fundação Calouste Gulbenkian, da Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa e da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, que deslocou para Dili uma delegação constituída pelo Presidente do Conselho Directivo, professor coordenador Manuel Correia e de apoio directo à organização do Congresso, os professores Ana Almeida e João Mário Pedro.
O Congresso tem como principal finalidade constituir um momento de reunião de todas as áreas do universo das ciências da saúde existentes em Timor-Leste. Pretende igualmente ser um ponto de encontro de todos os intervenientes locais e internacionais, de forma a reflectir sobre o ensino, a formação e a prestação de cuidados de saúde.
O seu objectivo geral de dar a conhecer os estudos realizados em Timor-Leste no âmbito das Ciências da Saúde, de modo a contribuir para o desenvolvimento das áreas prioritárias definidas para o sector, será atingido através da participação de profissionais de saúde timorenses, portugueses, cubanos e australianos, que têm desenvolvido os seus trabalhos em Timor-Leste. Teremos 35 trabalhos apresentados e 4 conferências distribuídos por 9 painéis, subordinados aos temas de Doenças Infecciosas, Saúde Materno-infantil, Sistemas de Saúde e Formação de Recursos Humanos em Saúde.
Neste primeiro dia de actividades é de salientar a participação na cerimónia de abertura de Sua Excelência o Presidente da Republica de Timor-Leste, José Ramos-Horta, corpo diplomático creditado em Timor-Leste, e por Portugal o Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros, João Cravinho, e o Presidente do Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento. Aos painéis de discussão que se seguiram, assistiram cerca de 200 participantes à apresentação de 8 trabalhos na área das doenças infecciosas (Malária, Tuberculose e Lepra) e de Investigação em Saúde.
Associado ao primeiro dia de trabalho, ocorreu a Inauguração da Biblioteca Nacional de Saúde no Hospital Nacional Guido Valadares, que constituirá um centro de conhecimento que estará disponível para todos os profissionais de saúde de Timor-Leste.
foto_timor1.jpg  foto_timor2.jpg
P1000227.jpg  P1000170.jpg  P1000212.jpg
P1000154.jpg  P1000155.jpg