Instituto Politécnico de Lisboa

Associação Respira inaugura a sua Sede Social no dia Mundial da DPOC 14 dez 2009

A Respira – Associação Portuguesa de Pessoas com DPOC e outras Doenças Respiratórias Crónicas inaugurou no passado dia 18 de Novembro de 2009 a sua Sede Social, localizada em Lisboa. Tendo como missão ser uma Associação Nacional de referência na área das Doenças Respiratórias Crónicas contribuindo para a sua prevenção e tratamento, e um pilar na defesa dos interesses e direitos das pessoas com DPOC e outras doenças respiratórias crónicas, a Associação Respira foi “lançada” a 15 de Novembro de 2006 e, legalmente constituída a 9 de Fevereiro de 2007.
No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC), 18 de Novembro, a Respira apresentou na inauguração da sua sede o Primeiro Livro Europeu sobre a DPOC, da Federação Europeia das Associações de Pessoas com Alergias e Doenças das Vias Respiratórias (EFA - European Federation of Allergy and Airways Diseases Patients' Associations), elaborado com o objectivo de partilhar experiências a nível Europeu das práticas desenvolvidas no combate à DPOC.
Com a colaboração portuguesa, exclusiva da RESPIRA, “este livro deixa em aberto a necessidade de implementação a nível Nacional e Europeu de um Plano estratégico para a DPOC, que integre a perspectiva das pessoas com doenças respiratórias crónicas, a perspectiva clínica e a perspectiva político-económica de cada País”, afirmou Luísa Soares Branco, Presidente da RESPIRA.
Neste evento foram ainda divulgados os resultados do Estudo Nacional – PNEUMOBIL, levado a cabo pela Sociedade Portuguesa de Pneumologia em parceria com a Iniciativa GOLD e a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL), envolvendo mais de cinco mil fumadores e ex-fumadores com idade igual ou superior a 40 anos. O Estudo “Prevalência de obstrução numa população exposta ao fumo do tabaco – Projecto PENUMOBIL” tem como objectivo avaliar a prevalência da DPOC e sensibilizar para a importância do diagnóstico precoce da DPOC através da espirometria.
Os principais resultados do estudo mostram que:
• O reconhecimento da DPOC é muito reduzido entre a população
• Tanto fumadores como ex-fumadores continuam a ignorar os principais sintomas, como a tosse e a expectoração
• A idade média em que ocorre a exposição ao tabaco é aos 17 anos e a idade em que termina é aos 40
• Consumo médio de cigarros é de 18 por dia
• O tempo de exposição total é, em média, de 28 anos
 
Para mais informações sobre a Respira - Associação Portuguesa de Pessoas com DPOC e outras Doenças Respiratórias Crónicas consulte http://www.respira.pt/
inauguracao_sede_respira1.JPG
inauguracao_sede_respira2.JPG