Instituto Politécnico de Lisboa

ESTeSL no I Congresso Nacional de Ciências Biomédicas Laboratoriais 23 nov 2016

ESTeSL no I Congresso Nacional de Ciências Biomédicas Laboratoriais

A Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL-IPL) integrou a Comissão Organizadora do I Congresso Nacional de Ciências Biomédicas Laboratoriais e I Encontro de Estudantes de Ciências Biomédicas Laboratoriais, que decorreu de 28 a 30 de outubro de 2016 no Instituto Politécnico de Bragança (IPB).

Mais de 300 participantes, entre estudantes, docentes e investigadores, estiveram presentes no evento que teve como principal objetivo debater a atividade laboratorial no campo das ciências biomédicas, uma oportunidade de enriquecimento científico e académico.

Na apresentação do Congresso, o Presidente do Congresso, Prof. Amadeu Ferro, docente do curso de Ciências Biomédicas Laboratoriais da ESTeSL e da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Bragança, salientava o caráter pioneiro do evento: “vamos reforçar os laços de colaboração entre os diferentes interlocutores institucionais que dinamizam as Ciências Biomédicas Laboratoriais em Portugal, lançando um desafio: o Congresso será partilhado entre todas instituições de ensino superior que oferecem formação nesta área, tendo cada uma delas a oportunidade de o organizar de forma rotativa”.

O evento contou com o Alto Patrocínio da Presidência da República e reuniu alguns dos mais conhecidos especialistas da área, como Manuel Sobrinho Simões (eleito pela revista britânica The Patologist como o patologista mais influente do mundo), José Eduardo Lima Pinto da Costa (professor jubilado do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto), Lars Frelin (Investigador Principal no Departamento de Medicina Laboratorial, na Divisão de Microbiologia Clínica do Karolinksa Institutet, na Suécia), entre outros.

No final do Congresso, que contou ainda com a participação da RTUB - Real Tuna Universitária de Bragança, e como resultado da vertente solidária, foi anunciada a atribuição de 50% do seu resultado líquido ao Centro de Educação Especial de Bragança.

Marcaram presença neste Congresso estudantes, docentes e o Presidente da ESTeSL, Prof. João Lobato.