Instituto Politécnico de Lisboa

Magnetic Resonance Imaging and Spectroscopy of Prostate Cancer 11 nov 2013

Alerta das Ciências Naturais e Exatas nº19/2013 - 11 de novembro de 2013

 

 

 

 

 

 

Artigo

“Magnetic Resonance Imaging and Spectroscopy of Prostate Cancer”


Autores

Peter R Carroll, Fergus V Coakley and John Kurhanewicz

Afiliação dos autores:
Department of Urology, University of California, San Francisco, San Francisco, CA
Department of Radiology, UCSF Comprehensive Cancer Center, University of California, San Francisco, San Francisco, CA


State-of-the–art

A próstata é um dos problemas que mais preocupa a população masculina, particularmente a partir dos 50 anos. Com a disseminação da análise do PSA (e com a pouco noção que se tem de que este exame não tem praticamente nenhum valor para efeitos de diagnóstico) gerou-se um clima geral de medo face ao hipotético cancro da próstata.
A evolução dos equipamentos de Ressonância Magnética e a associação da espectroscopia à imagem permitem hoje ter elementos de diagnóstico de grande fiabilidade, diminuindo assim de forma significativa o sofrimento causado pelas múltiplas incertezas.


Resultados Obtidos

A técnica da associação de espectroscopia à imagem por ressonância magnética permite identificar diferenças metabólicas caracterizadoras de patologias prostáticas como a hipertrofia benigna da próstata ou o cancro da próstata ou tecido prostático normal.
A estas técnicas, pode ainda associar-se estudos de difusão, que permitem ter um diagnóstico altamente fiável.
Com esta técnica, é ainda possível minimizar o impacto da biópsia (se tiver que ser feita), ou optimizar a terapia (nomeadamente a terapia com radiações, pois é possível visualizar onde se encontra o tumor).


Relevância para as tecnologias da Saúde

Da Radiologia à Radioterapia, passando pela anatomia patológica, análises clínicas ou farmácia… este artigo tem um interesse grande em todas as áreas que tenham alguma ligação à patologia prostática.

 

Artigo Original disponível em:
Consulte o artigo original através do link