Instituto Politécnico de Lisboa

Sessão de Reflexão: “Tecnologias da Saúde e Intervenção Comunitária” 28 nov 2008

Realizou-se no passado dia 19 de Novembro de 2008, no Auditório da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL)/ESEL uma sessão de reflexão sobre a intervenção comunitária na área das Tecnologias da Saúde.
A ESTeSL, enquanto instituição de ensino superior público, apresenta a prestação de serviços à comunidade como uma das suas missões estratégicas, tendo ao longo dos últimos anos, promovido iniciativas de intervenção comunitária em parceria com diversas instituições públicas e privadas.
A 19 de Março de 2007, foi assinado entre a ESTeSL e a Câmara Municipal de Loures (CML) um protocolo de cooperação, no âmbito do qual têm sido dinamizadas acções de promoção da saúde e prevenção da doença; acções de formação; rastreios; e estudos, junto de crianças, jovens, idosos e da população em geral do município de Loures.
Agora que o final do ano civil se aproxima, as duas instituições promoveram uma sessão de reflexão aberta com o objectivo de, por um lado, dar a conhecer os resultados desta primeira fase de intervenção através da apresentação de trabalhos pelas equipas que participaram nas actividades, e por outro, perspectivar o futuro da intervenção comunitária em 2009 num momento de reflexão e discussão.
Durante o ano lectivo de 2007/2008, 5 das 12 áreas científicas da ESTeSL - Cardiopneumologia, Dietética e Nutrição, Farmácia, Fisioterapia e Saúde Ambiental – dinamizaram acções de prevenção da doença e promoção da saúde junto da população idosa da Câmara de Loures, no âmbito do projecto “Saber Envelhecer. Promovido pelo Gabinete de Saúde da CML, este projecto teve como objectivo “orientar e aconselhar o indivíduo numa perspectiva de autocuidados, em temáticas de saúde físico-mental, e incentivar a sua participação nos diversos contactos da sociedade, de modo a desenvolver um processo de envelhecimento saudável”.
As apresentações de cada um dos projectos realizada por estudantes da ESTeSL e a avaliação do impacto da intervenção comunitária apresentada pela Câmara Municipal de Loures, evidenciaram os ganhos do desenvolvimento destes projectos para ambas as partes.
O debate de ideias, contou com a participação de docentes e estudantes da ESTeSL, de representantes da Câmara Municipal de Loures e de outras instituições de apoio ao idoso, tendo ficado claro que existe um consenso na vontade de continuar a desenvolver projectos de prestação de serviços à comunidade e de encontrar novos modelos de acção e de intervenção comunitária.
O primeiro desafio foi lançado e a comunidade académica da ESTeSL respondeu positivamente marcando presença na sessão de reflexão, que contou com mais de 100 participantes. Ficaram abertas as portas para que a ESTeSL e a CML continuem a dinamizar a sua parceria, promovendo novos projectos no âmbito da intervenção comunitária.
Sessão de Reflexão Tecnologias da Saúde e Intervenção Comunitária.jpg